ROSA PERES

ROSA PERES

Rosa Peres imortalizou seu talento literário aos 3 aos de idade num clik de um fotógrafo, com um livro abraçado junto ao coração e ela declamando textos imaginários, tinha acabado de acordar e os cabelos esvoaçantes junto ao vento chamou atenção daquele moço, ela sutilmente disse a ele que seria escritora, mesmo sem saber que divina arte era essa. 

Escrever desde o jardim de infância, rabiscar garatujas imaginárias como obra prima passou a ser uma necessidade na vida da escritora, que defende uma literatura erudita, de cunho social e política. Seus escritos são marcados por uma criação literária moderna, de denúncias e histórias de superação. 

Desde 1987 quando ingressou no Curso de Pedagogia da UFPA, aos 18 anos, atirou-se junto com o esposo Paulo Terra na luta permanente pela arte universal . Fundaram o 1º Grupo de Teatro desta região, o "Hebron", criaram a 1ª feira de arte e não sendo compreendidos e apoiados fizeram um grande movimento livre, reunindo artistas plásticos, escritores e artesãos regionais, num evento inesquecível em 1989 “Rondon tambem faz arte.” 

Atualmente Rosa Peres viaja ministrando palestras sobre cultura e educação; coordena o Núcleo Universitário de Rondon do Pará, já foi Secretária Municipal de Educação e Coordenadora da Secretaria de Cultura de Rondon do Pará.
Em 1995, recebeu o Título de Cidadã Rondonense pela Câmara Municipal de Vereadores. 

Rosa Peres é membro da Academia de Letras do Sul e Sudeste do Pará, Patrona a eterna Cora Coralina, cadeira nº 9, Representante da REBRA no Pará, em agosto assumirá a Presidência da CORPPO – Confraria Rondon Paraense de Poetas Pensadores. 

Em Julho lançará o seu 5º livro “Paulo Pedro Peralta”. 

A escritora afirma ser feita de livros, uma soma do que já leu, escreveu e escreverá. 

Tem paixão pela Literatura e acredita que pode melhorar o mundo através da cultura.